Análise de Recrutamento – Conheça Darius Garland, um dos melhores armadores da classe de 2018

Darius Garland, um dos melhores recrutas da classe de 2018 decidiu quebrar o “protocolo” e se comprometer com a universidade de Vanderbilt nesta segunda-feira (13/11).

Naturalmente surge um pouco de curiosidade por parte de qualquer fã do college para entender o motivo da escolha, visto que Garland é sim um dos grandes guards da próxima classe de calouros. Por esse motivo o Live College vai além de explicar os motivos da escolha por Vanderbilt, apresentar as características desse ótimo armador.

Por que Vanderbilt e não Duke ou Kentucky?

Essa é uma pergunta interessante. Mas é importante explicar que muitas vezes o atleta costuma levar em conta o desejo de seus familiares em estar por perto ou até mesmo poder assistir aos jogos na arquibancada. Esse foi exatamente o caso de Garland, que é natural do estado do Tennessee, mesma região onde fica a universidade de Vanderbilt.

Além disso, Garland e sua família possuem um relacionamento muito bom com Bryce Drew, técnico da universidade de Vanderbilt que já dura pelo menos 10 anos. Um relacionamento tão antigo como esse acaba surtindo efeito na decisão de um atleta, já que a confiança no treinador é a base para muitos atletas.

Afinal, o que Garland pode oferecer a Vandy na próxima temporada?

Com 1,87 metros de altura, Darius Garland é um armador muito diferente do que temos visto ultimamente no college. Na verdade, Garland é um armador muito completo e que lembra muito aqueles armadores clássicos de antigamente, que conseguem fazer um time jogar da maneira que ele desejar.

Com a bola nas mãos, Garland pode fazer coisas extraordinárias. Uma das qualidades que mais chama a atenção é a grande habilidade para organizar jogadas com os companheiros e além de ser um grande playmaker, Garland tem uma capacidade tremenda de fazer passes difíceis. O mais incrível é que o arremesso de Garland é muito bom e vem melhorando a cada temporada, tornando-o uma ameaça no jogo de transição, no passe e até sem a bola nas mãos.

Os pontos fracos mais citados e visíveis no jogo de Darius Garland são sem dúvidas a falta de atleticismo e a pouca explosão.

Quem ele nos lembra?

Como é um armador de estilo pass-first, Garland lembra muito o ex-armador de Kentucky, Tyler Ulis. Além dessa característica, a facilidade para pontuar seja dentro do garrafão através da infiltração ou através do arremesso de longa distância. A diferença entre ambos está na altura. Garland é 12 centímetros maior, o que será uma vantagem para ele quando chegar a hora de partir para a NBA.

Deixe uma resposta