Auburn "suspende" Wiley e Purifoy por causa de investigação do FBI

Auburn anunciou nesta quinta-feira que dois de seus melhores jogadores, Austin Wiley e Danjel Purifoy, não estarão disponíveis para o início da temporada devido à uma investigação do FBI sobre a corrupção no college basketball.

“Para evitar possíveis problemas com a elegibilidade dos atletas em questão, o departamento atlético de Auburn decidiu manter os atletas Austin Wiley e Danjel Purifoy fora do time por tempo indefinido”, segundo a uma declaração da diretoria. “Isso está relacionado a uma investigação em curso e não podemos comentar mais neste momento”.

Explicação

O ex-técnico assistente de Auburn, Chuck Person, é acusado na denúncia do FBI de ter recebido mais de US$ 90.000 em subornos para em troca exercer influência nas decisões de dois jogadores atualmente no elenco de Auburn. Segundo uma testemunha no caso, Person deu US$ 11 mil para a mãe do “jogador-1” e US$ 7.500 para a mãe do “jogador-2”. Ainda segundo documentos, Person também deu mais US$ 5.000 para a mãe do jogador-2, como parte de um combinado. O “jogador-1” e “jogador-2” citados na investigação, não tiveram seus nomes revelados pelo FBI, mas parecem ser exatamente Austin Wiley e Danjel Purifoy, ambos recrutados por Person e muito bem avaliados no high school pela mídia.

LEIA TAMBÉM: Entenda todo o escândalo que abalou o College Basketball
LEIA TAMBÉM: Fique de olho – Austin Wiley

Wiley é um pivô de 2,10 m, que tem sofrido com uma lesão no pé nesta pré-temporada. Ele também é muito cotado para ser uma potencial escolha de primeira rodada no próximo draft da NBA e obteve médias de 8,8 pontos e 4,7 rebotes na temporada passada depois de se matricular em janeiro. Purifoy é um segundo anista que teve uma média de 11,5 pontos e 4,7 rebotes no ano passado.

1 comentário sobre “Auburn "suspende" Wiley e Purifoy por causa de investigação do FBI”

  1. Pingback: [Sophomore] Conheça os segundo anistas que vão surpreender nesta temporada na NCAA – Live College Brasil

Deixe uma resposta