Entenda como Marvin Bagley altera o status de Duke para a próxima temporada

Após o comprometimento de Marvin Bagley III com Duke na noite desta segunda feira (14/08), a equipe se tornou inegavelmente uma das equipes favoritas ao título nacional.

Mas afinal de contas, quem é Marvin Bagley? Qual será o impacto produzido por Bagley na próxima temporada universitária? Quais as expectativas para Duke?

Marvin Bagley

Depois de pular um ano no high school e se comprometer com Duke, é natural que muitas pessoas não conheçam Marvin Bagley e busquem saber quem é o garoto projetado como primeira escolha geral do próximo Draft, a frente inclusive do tão falado Michael Porter Jr. e de Luka Doncic, astro do Real Madrid e melhor prospecto europeu em anos.

Bagley tem atualmente 2,10 m e é considerado por muitos como o melhor atleta vindo do high school desde Anthony Davis em 2011. Além de toda essa badalação, o jogador também é muito comparado a outra grande estrela da NBA, Chris Bosh, por ter um estilo de jogo muito semelhante.

Mesmo com sua altura, é impressionante ver que Bagley pode fazer quase tudo em quadra. Ótimo jogando no post, sabe criar seu próprio arremesso, extremamente versátil, muito ágil para seu tamanho, corre muito bem a quadra e é um daqueles jogadores que sabe causar dano ao adversário quando está dentro do garrafão. As diferenças mais notáveis no jogo de Bagley e Bosh são os arremesso de três pontos e os rebotes. Na verdade, Bagley tem um arremesso de longa distância em plena evolução, mas ainda não é sua grande especialidade. Por outro lado, é um exímio reboteiro e posso afirmar sem medo algum que é o melhor reboteiro nesta classe de 2017, tanto na defesa, como no ataque.

Fraquezas? Sim, como qualquer garoto de 18 anos saindo do high school, sempre há o que melhorar. Mas a grande questão com Bagley é justamente ele não ter uma “grande fraqueza”, o que o torna o melhor prospecto possível para a NBA em muitos anos.

Mas por quê Duke e não USC ou UCLA?

Sem dúvidas a decisão de se comprometer com Duke está ligada ao fato de Bagley querer chegar a NBA o mais rápido possível e ser o melhor prospecto disponível. Mas será que USC ou UCLA não seriam boas vitrines? Com certeza, pois as duas Universidades estão situadas em Los Angeles. Quer mais visibilidade do que jogar em LA?

A ideia mais aceita é de que Bagley queira ter uma chance de ganhar o campeonato nacional e veja em Duke as maiores chances para este feito e além do mais, Duke tem aquele que é considerado o melhor treinador universitário atualmente, Mike Krzyzewski, a quem o próprio Bagley elogiou dizendo se tratar de um treinador que sabe preparar um atleta para o próximo nível, a NBA.

https://twitter.com/LiveCollegeBR/status/897451796142018560

Jogar em Duke, um dos maiores palcos no College Basketball e ter a oportunidade de jogar para o treinador universitário mais famoso da nossa geração, chance única de competir tanto pelo título nacional como também para ser a primeira escolha do Draft de 2018. Admita! Estes são motivos bastante plausíveis para escolher a Universidade de Duke.

O que esperar de Duke nesta temporada?

No ano passado, Duke também teve a melhor classe de recrutamento e também foi apontada como a grande favorita ao titulo, porém, a equipe conviveu durante a temporada com muitos altos e baixos e no fim acabou eliminada no torneio da NCAA por South Carolina de forma decepcionante.

Mais uma vez, a equipe chega como a grande favorita e as expectativas novamente estão elevadas, mas isso significa que serão campeões? Obviamente que ninguém é bobo de cair neste conto duas vezes, ainda mais agora que Michigan State, Kentucky, Arizona e Kansas estarão ainda mais fortes nesta temporada.

Tenho minhas dúvidas se Duke já resolveu os problemas na armação de jogadas, visto que Trevon Duval é um armador com estilo muito mais para pontuar, diferente do que gosta Coach K. Também tenho minhas dúvidas se Grayson Allen será o líder que Duke precisa, mas é fato que não podemos nunca subestimar Coach K e sua equipe One and Done.

A opinião geral de quem viu Marvin Bagley jogar é de que ele será um all-star na NBA. Eu, porém, vou além, e digo que esse garoto pode vir a ser um dos melhores atletas da liga num futuro não muito distante. Quem sabe o novo Chris Bosh? Para saber se minha opinião sobre Bagley estará certa, teremos que esperar mais um pouco.

4 comentários sobre “Entenda como Marvin Bagley altera o status de Duke para a próxima temporada”

  1. Pingback: Rapidinhas do Recrutamento no College (29/08) – Live College Brasil

  2. Pingback: Análise de Recrutamento – Conheça mais sobre Cameron Reddish, novo recruta de Duke – Live College Brasil

  3. Pingback: [Freshmen] Conheça os 5 melhores calouros da NCAA – Live College Brasil

  4. Pingback: Preview 2017 – ACC – Live College Brasil

Deixe uma resposta