Opinando: Nevada e o modelo Fred Hoiberg reinventa uma mid-major

Fred Hoiberg fez escola. O atual técnico do Chicago Bulls, na NBA, que trabalhou de 2010 a 2015 em Iowa State, usava e abusava de jogadores transferidos de outras universidades. Muitas vezes sem poder no recrutamento, o treinador conseguia completar suas bolsas de estudos com bons jogadores vindos de equipes fortes ou mid-majors.

Eric Musselman, técnico de Nevada desde 2015, parece ter seguido à risca a regra. Se Fred Hoiberg conseguiu 12 transferidos no período que esteve a frente dos Cyclones, Musselman conseguiu cinco somente para esta temporada, fora os que já estavam no elenco e também eram transferências. Tre’Shawn Thurman (ex-Omaha), Nisré Zouzoua (ex-Bryant), Jazz Johnson (ex-Portland), Corey Henson (ex-Wagner) e Trey Porter (ex-Old Dominion) são os jogadores que farão parte do elenco dos Wolf Pack nesta temporada.

Trey Porter é um dos jogadores transferidos para Nevada nesta temporada

Porter deve ser o único titular da equipe, já que Musselman também foi feliz com os jogadores que retiraram seus nomes do Draft da NBA e retornam ao College. Um perímetro formado com Jordan Caroline (ex-Southern Illinois) e os irmãos gêmeos Cody e Caleb Martin (ex-NC State) é um dos mais fortes do país. Jordan Brown, calouro cinco estrelas vindo do High School é quem completa um dos times mais fortes entre equipes mid-majors (talvez só atrás de Gonzaga).

Mas Musselman quer mais. Ele quer ser relevante nacionalmente. Nevada tem condições de fazer um bom papel no March Madness. Para isso, tem que vencer o Torneio do Mountain West ou ir bem durante a temporada, como foi na última, quando perdeu o Torneio, mas mesmo assim se classificou às loucuras de março. O calendário já começa a ser montado e o técnico sabe que tem que enfrentar equipes conhecidas e fortes para ter a experiência necessária para fazer bonito durante a temporada.

Para 2019-20, Nevada já tem garantido a transferência de Jalen Harris, ex-jogador de Louisiana Tech. O modelo segue. Hoiberg ensinou. Sem capacidade de recrutar grandes jogadores do High School (Brown foi a exceção), os Wolf Pack reinventam a tendência de uma mid-major. Fique de olho que Nevada vem forte.

Deixe uma resposta