Preview 2017 – Big East Conference

Continuando nossa série de previews, chegou a hora de falarmos da Big East, tradicional conferência da costa leste que tem algumas das melhores universidades da nação, muita história, rivalidades e alguns dos melhores treinadores da NCAA.

O preview desta conferência com análise detalhada de cada equipe estará no podcast que você encontra logo abaixo. Nesse podcast, Leonardo Sasso, Italo Vieira e Rodrigo Lazarini comentaram suas expectativas para a temporada na conferência, quais times devem ir ao march madness, quem deve levar o prêmio de melhor atleta, calouro e técnico.

Ainda não viu nossos outros previews com podcasts? Confira:

Conheça as 10 melhores equipes mid-major do College Basketball
Saiba quais são os 25 atletas de mid-major que você precisa conhecer
Saiba tudo sobre a conferência Atlantic-10 (A-10)
Saiba tudo sobre a conferência American Athletic (AAC)
Saiba tudo sobre a conferência Big-12 – Em breve
Saiba tudo sobre a conferência Big Ten – Em breve
Saiba tudo sobre a conferência PAC-12 – Em breve
Saiba tudo sobre a conferência SEC – Em breve
Saiba tudo sobre a conferência ACC – Em breve

Podcast com a análise individual para cada equipe da conferência A-10
Power Ranking Live College BR

Nesta temporada, resolvemos classificar as universidades da conferência em três grupos diferentes que são: As Favoritas, as que podem surpreender e as que não devem ir muito longe. Confira:

1- Xavier Musketeers
2- Villanova Wildcats
3- Seton Hall Pirates
4- Providence Friars
5- Butler Bulldogs
6- Creighton Bluejays
7- Marquette Golden Eagles
8- St John’s Red Storm
9- DePaul Blue Demons
10- Georgetown Hoyas

Favorita? Teremos um novo campeão na Big East?

Xavier Musketeers (24 vitórias e 14 derrotas na temporada 2016/17)

Nos últimos anos, Villanova dominou a conferência de tal modo que era praticamente impossível supor que outro time tomaria seu lugar no top da Big. Mas nesta temporada, Xavier parece ter um time melhor, muito mais experiente e com mais expectativas do que qualquer outra equipe teve nas últimas quatro temporadas.

O retorno de Trevon Bluiett, melhor jogador da equipe na temporada passada e principal candidato a player of the year, coloca a equipe em outro patamar. Além de Bluiett, também temos de citar a presença do senior JP Macura, atleta importantíssimo no perímetro da equipe com seus arremessos e sua boa capacidade defensiva. Com a perda de atletas importantes no garrafão, Tyrique Jones, segundo anista, será muito mais importante nesta temporada assim como Sean O’Mara e Kaiser Gates.

O recrutamento realizado pela equipe também merece destaque da nossa parte. Xavier teve um dos melhores recrutamentos da nação, trazendo recrutas de muito destaque no high school e que deverão ter um impacto imediato na equipe.

Sleeper da conferência? Conheça St John’s, equipe com o maior potencial para “surpreender” na Big East

St John’s Red Storm (14 vitórias e 19 derrotas na temporada 2016/17)

Uma das equipes mais tradicionais da Big East, St John’s é considerada uma equipe em reconstrução desde a temporada retrasada. Mas o bom recrutamento da equipe tem “adiantando” esse processo de forma surpreendente. Shamorie Ponds e Marcus LoVett, dois calouros na temporada passada, tiveram destaque absoluto na conferência por levarem a frágil equipe de Nova York a 14 vitórias na temporada, apesar do fraco elenco de apoio.

Ponds teve 17,4 pontos por jogo e LoVett contribuiu com 15,9 pontos. Além destes dois, Bashir Ahmed, que agora é um senior teve 13,4 pontos. Com todos estes jogadores retornando e algumas adições por transferência, as expectativas são de que essa equipe possa subir bastante na conferência e talvez até surpreender chegando ao March Madness.

Coach of the Year: Conheça o principal candidato ao prêmio de melhor treinador na conferência Big East

Chris Mack – Xavier

Mack, um dos grandes treinadores no College Basketball, foi bastante sondado por equipes da Big Ten e de outras conferências nesta pós-temporada, mas optou por permanecer em Xavier e ainda renovou o contrato com a universidade até o ano de 2023.

O que faz de Mack um dos candidatos a este prêmio é sem duvidas a grande equipe que tem em mãos. Além de sua equipe ser considerada a favorita a vencer a conferência, Mack fez um excepcional trabalho no recrutamento concorrendo de igual para igual com UCLA, Kentucky e Louisville por grandes recrutas. Enfim, não foi atoa que muitas universidades foram atrás de Chris Mack.

Menção Honrosa: Kevin Willard – Seton Hall
Jay Wright – Villanova

Freshman of the Year: Conheça o principal candidato ao prêmio de calouro do ano na conferencia Big East

Omari Spellman – Villanova

Spellman, que foi recrutado por Villanova em 2016, foi classificado como um dos melhores pivôs da classe de 2016. Por causa de problemas acadêmicos, optou por ser redshirt na temporada passada. Como ficou apenas treinando na temporada passada com seus companheiros e conhecendo o esquema tático da equipe de Jay Wright, a expectativa é que Spellman tenha um impacto imediato na equipe, que sofreu bastante sem um pivô de oficio na temporada passada.

Spellman é um pivô atlético, forte e que possui muitas ferramentas para pontuar, sendo o que chamamos no basquete de “big man versátil e scorer“. Seu peso foi motivo de preocupação ao longo de sua carreira no high school, mas ao que parece, Spellman perdeu muito peso na pré-temporada e evoluiu muito fisicamente.

Menção Honrosa: Paul Scruggs – Xavier
Myles Cale – Seton Hall
Jermaine Samuels – Villanova
Ty-Shon Alexander – Creighton

Player of the Year: Conheça o candidato a melhor atleta da conferencia Big East

Trevon Bluiett – Xavier

Bluiett é um dos grandes jogadores do college basketball. Nas últimas três temporadas, Bluiett vem sendo o líder da equipe em quadra e desde seu primeiro ano, é um dos lideres de pontuação. Na última temporada, ajudou Xavier a chegar até o elite eight perdendo apenas para Gonzaga.

Nos três primeiros jogos do torneio, Bluiett teve a impressionante média de 25 pontos por jogo e foi o principal responsável por fazer Xavier eliminar a numero dois Arizona no Sweet Sixteen. No jogo decisivo contra Gonzaga, Bluiett teve um rendimento muito abaixo com apenas 10 pontos e viu sua equipe ser derrotada por 83-59. Está mais que claro que Bluiett, que teve médias de 18,5 pontos na temporada passada, será o cara desta equipe e também será o novo rei da Big East, restando saber apenas até aonde ele pode levar sua equipe na temporada.

Menção Honrosa: Kelan Martin – Butler
Marcus Foster – Creighton
Angel Delgado – Seton Hall

Deixe uma resposta